Sábado, 18 de novembro de 201718/11/2017
86 9-8108-3425
Tempestuoso
23º
24º
34º
Piracuruca - PI
Erro ao processar!
Pax União
POLÍTICA
Ciro Nogueira confirma candidatura do Progressistas ao Governo do Piauí em 2022
Ciro Nogueira confirma candidatura do Progressistas ao Governo do Piauí em 2022
Ivan Sousa Piracuruca - PI
Postada em 08/11/2017 ás 19h36
Ciro Nogueira confirma candidatura do Progressistas ao Governo do Piauí em 2022

O senador Ciro Nogueira (PP-PI) reafirmou apoio ao governador Wellington Dias (PT-PI), que deverá tentar a reeleição em 2018, mas declarou, em entrevista para a TV Cidade Verde, que o Progressistas terá candidatura própria o Governo do Estado em 2022, seja o seu ou outro nome da legenda. 


"Com certeza, se vai ser o senador Ciro, se vaiser outro nome do partido, em 2022 nós vamos ter candidato (a governador). Acho que o partido tem dimensão para isso, tem quadros que podem fazer um grande trabalho, e com certeza nós vamos ter candidato, ou o senador Ciro ou qualquer outro membro do partido, em 2022", disse Nogueira, no Jornal do Piauí desta quarta-feira (8), confirmando que em 2018 tentará a reeleição para o Senado.


 


Em Brasília (DF), Ciro Nogueira ressaltou o crescimento do Progressistas, que atingirá a marca de 50 prefeitos no Piauí, após a filiação de mais cinco novos gestores nos próximos dias. Para o senador, a legenda tem obrigação de ter um grande resultado nas próximas eleições e eleger uma grande bancada de deputados. "Acho que estamos vivendo o nosso melhor momento", avaliou. 


 


Ciro Nogueira também tentou dar ponto final às polêmicas envolvendo a aliança com o PT. "Você está falando dos dois maiores partidos do Estado. Vamos ter problemas sistemáticamente. São partidos muito grandes, existem disputas locais (...) É uma situação localizada. Nós nunca colocamos em cheque a nossa aliança com o governador. É uma aliança que não está começando agora, ela se iniciou na eleição de governador", disse o senador. 


 


Wellington Dias e Ciro Nogueira tomaram café nesta quarta-feira, na residência do senador, e analisaram a situação financeira do Estado, além do cenário eleitoral para 2018. O presidente nacional do Progressistas deixou claro que o fato do partido ter votado contra o projeto estadual que aumentava os valores de impostos não levará a um rompimento com a base governista. "Tenho uma perfeita sintonia com o governador e não é essa situação que vai abalar isso". 


Luci candidata, Firmino não


Sobre uma eventual candidatura do prefeito Firmino Filho (PSDB) ao governo do Piauí, Ciro Nogueira disse que a escolha é do tucano, ainda que ele prefira que o gestor continue na Prefeitura de Teresina e não seja candidato em 2018. 


 


"O que eu puder fazer pela gestão do Firmino, nós vamos fazer. Gostaria muito de que o Firmino concluísse o seu mandato e nos apoiasse agora na eleição. (...) Se ele vier ou não a ser candidato é uma decisão que cabe muito a ele, eu acho que ele vai tomar só no próximo ano. Mas eu gostaria muito de ter o apoio do Firmino tanto para mim, quanto para o Wellington (Dias) na eleição do próximo ano".


 


Ciro Nogueira também falou sobre a primeira-dama Luci Silveira, que na semana passada apareceu na propaganda partidária do Progressistas na televisão. "Ela é um nome para ser candidata ao que for. Hoje, pelo que tudo leva a crer, ela deve ser candidata a deputada estadual pelo partido. (...) É um nome que nos engrandece, nos orgulha no nosso partido. E o que ela decidir de ser candidata pelo Progressistas, ela vai ganhar o nosso apoio". 


 


Futuro de JVC


Na entrevista, Ciro nogueira comentou o encontro recente que teve com o empresário João Vicente Claudino. "O que eu puder fazer para trazê-lo novamente para a vida a pública, eu vou fazer", disse o presidente do Progressistas, que tentou filiá-lo no seu partido, mas ouviu do ex-senador que o mesmo deve retornar ao PTB. "Ele não definiu a qual cargo vai ser candidato. Gostaria muito de contar com ele na nossa coligação, com o seu apoio. Mas que ele volte à vida pública". 


 


Jogos de azar


O senador defendeu a aprovação de projetos sobre a legalização e regulamentação de jogos de azar. Ciro Nogueira é autor de dois projetos: um que legaliza os jogos, inclusive com a criação de cassinos, e outro para proibir o pagamento de contas em jogos de azar hospedados no exterior.


 


Governadores reunidos em Brasília defenderam a criação de um fundo para financiar a segurança pública, e que o mesmo seja abastecido com recuros da legalização dos jogos de azar. "O lado bom do jogo é fomentar emprego, geração de renda, que as pessoas paguem seus impostos. (...) Eu espero que esse recurso seja implementado na questõa da segurança, para que a gente possa reduzir esses índices alarmantes do nosso país". 


 


Fábio Lima


[email protected]


 

FONTE: Cidade Verde
O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

500 caracteres restantes

  • COMENTAR
    • Prove que você não é um robô:

© Copyright 2017 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium