Segunda, 24 de setembro de 2018
86 9-8108-3425
Brasil

11/11/2017 ás 16h28 - atualizada em 11/11/2017 ás 16h34

545

Ivan Sousa

Piracuruca / PI

Insatisfeita com sexo oral, prostituta quase mata cliente a tiros
Mulher gastou US$ 10 mil usando o cartão de crédito do cliente.
Insatisfeita com sexo oral, prostituta quase mata cliente a tiros
Prostituta presa por atirar em cliente após sexo oral 'mal feito' (Crédito: Reprodução/KIRO 7)

Uma garota de programa de nome Marissa Wallen, de 21 anos, residente no estado de Washington, Estados Unidos, foi presa após atirar na cabeça de um cliente. O que seria uma noite de prazer com direito a sexo oral, acabou virando caso de polícia.


De acordo com a imprensa internacional, tudo aconteceu na residência do cliente, cuja a identidade não foi revelada. A prostituta teria ficado insatisfeita com o sexo oral praticado por ele e, sem saber como contar, resolveu efetuar dois tiros na cabeça do homem que está internado em estado grave.


Após o crime, ela pegou o cartão de crédito do homem e gastou o equivalente a US$ 10 mil. A polícia foi acionada e conseguiu prender Maria. A fiança para soltura da mesma foi estipulada no valor de US$ 1 milhão.

FONTE: Com informações do Pagenotfound

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

0 comentários

Veja também
Facebook
Mais lidas
© Copyright 2018 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium