Sexta, 21 de setembro de 2018
86 9-8108-3425
Brasil

19/06/2018 ás 16h51

160

Ivan Sousa

Piracuruca / PI

Wellington faz apelo a hospitais sobre situação do Plamta e Iaspi
Fizemos um plano para fazer essa regularização [dos pagamentos às clínicas e hospitais] até o mês de agosto", disse o governador.
Wellington faz apelo a hospitais sobre situação do Plamta e Iaspi
Foto: Lucas Dias/GP1/Wellington Dias

Nesta terça-feira (19), o governador Wellington Dias (PT) comentou a situação envolvendo o Plamta e IASPI Saúde, onde os atrasos nos pagamentos geraram preocupação de um possível descredenciamento dos planos de saúde junto aos hospitais e clínicas do Piauí. Ele pediu a colaboração das unidades de saúde.


O governo encaminhou na segunda-feira (18) um ofício ao presidente do Sindicato dos Hospitais, Clínicas, Casas de Saúde e Laboratórios de Pesquisas e Análises Clínicas do Estado do Piauí (SINDHOSPI), Jefferson Campelo, apresentando o cronograma de pagamentos dos planos de saúde. Com a divulgação, o governo espera barrar um possível descredenciamento, que faria com que os servidores e seus dependentes ficassem sem atendimento.


Wellington Dias explicou que a crise financeira acabou afetando os pagamentos. “Os servidores terão sim uma solução. Hoje teve uma agenda de entendimento. Na verdade, tivemos uma situação em que um dado momento, em 2017, teve um desequilíbrio que teve que ser complementado pelo tesouro do estado e agora no ano de 2018 tivemos que fazer uma composição com áreas para poder atualizar”, disse.


O governador pediu a colaboração dos hospitais e clínicas diante da situação. “Fizemos um plano para fazer essa regularização até o mês de agosto. O que eu apelo é que os hospitais e clínicas, que são importantes parceiros, possam lembrar da importância que tem o nosso plano de saúde, e claro, para a economia do Piauí. Se Deus quiser, a partir desse ponto vamos dar uma solução para evitar qualquer trauma para os servidores”, afirmou.

FONTE: GP1

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

0 comentários

Veja também
Facebook
Mais lidas
© Copyright 2018 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium